terça-feira, 11 de dezembro de 2018

ALGUMAS DICAS DE COMO DESINCHAR TORNOZELOS, PÉS E PERNAS


 Os pés costumam inchar por diferentes motivos:

Os tornozelos, os pés e as pernas costumam inchar com certa facilidade já que, além de suportar nosso peso, também são afetados por diferentes fatores como a alimentação, as alterações hormonais e alguns transtornos de saúde. Com muita frequência, o inchaço nos tornozelos, pés e pernas é causado pela retenção de líquidos no organismo que, por sua vez, acumula toxinas e resíduos que podem piorar a inflamação.

Existem várias causas que podem influenciar o inchaço dos tornozelos, pés e pernas. Entre as causas mais comuns podemos encontrar a gestação, o sobrepeso, a obesidade, estar de pé o tempo todo e, obviamente, a retenção de líquidos. No entanto, há ocasiões em que devemos ter muito cuidado com esse tipo de inchaço, já que ele pode ser um sintoma de problemas mais graves, como doenças do fígado, trombose venosa e a obstrução linfática.

Se o inchaço nos tornozelos, pés e pernas for persistente, é muito importante consultar um médico para conhecer a causa exata desta situação. Para o resto dos casos, os seguintes remédios naturais podem ser de grande ajuda para desinchar o corpo de maneira eficaz.
  • Tome um banho com água morna e sal grosso para os pés.

É uma boa terapia de relaxamento. Inclusive posteriormente, você pode massageá-los com um pouco de azeite de oliva para terminar o tratamento para os seus pés cansados e inchados.
  • Massageie seus pés com tisana de camomila.

Este pode ser um desses truques com ervas para os pés de interessante resultado. Simplesmente, prepare uma infusão com camomila na água fervendo durante 10 minutos. Quando esfriar, massageie bem seus pés com ela. As propriedades anti-inflamatórias da camomila farão efeito nos seus pés.

​​Faça um banho de aveia. Coloque seus pés inflamados na água bem quente, na qual você terá acrescentado um punhado de farinha de aveia. Procure que a água esteja o mais quente que você puder suportar.
  • Ponha seus pés em um banho de ervas.

 Prepare uma infusão com 50 gramas de sálvia, 50 gramas de alecrim e um litro d’água. Submerja seus pés nela, pelo menos durante 15 minutos.

Aplique massagens nos seus pés inchados com azeite de oliva.

 Vai te ajudar a ativar a circulação e desinflamá-los.
  • Truques eficazes para desinflamar os pés:

Ø  Mexa uma bolinha de tênis com a sola do seu pé.
 
A massagem conseguirá que seu pé relaxe e se desinflame.
 
Ø  Caminhe descalço (a).
 
É uma boa alternativa para relaxar e desinchar seus pés.
 
Ø  Coloque seus pés no alto.
 
Desse jeito, conseguirá reativar a circulação.
 
Ø  Ponha um saco de gelo sobre os seus pés.

O frio ajudará a desinflamar suas extremidades inferiores.

Exercício físico:

Ainda que o inchaço nos tornozelos, pés e pernas possa ser um pouco doloroso, a falta de atividade física pode piorar a condição. Ao contrário do que muitos acreditam, o exercício é uma das melhores formas de desinchar e acabar com a inflamação nas extremidades inferiores. Ao fazer exercícios, ativa-se a circulação sanguínea e é possível prevenir problemas como os coágulos sanguíneos.

O recomendado: praticar natação. Esse exercício é de baixo impacto e não exerce pressão sobre os tornozelos, os pés e as pernas.

Melhorar a dieta e reduzir o sal:

A alimentação é uma das chaves para ter uma boa saúde, boa circulação e prevenir dores nas extremidades inferiores. Como a maioria de nós já sabe, o consumo excessivo de sal ou sódio é uma das principais causas da retenção de líquidos e de acúmulo de toxinas no corpo. É muito importante reduzir o consumo de sal, o qual não somente está presente no pó branco que temos na cozinha, mas também em muitos outros alimentos que adquirimos no mercado.

O recomendado: existem vários substitutos para o sal e vários alimentos que podem reduzir os seus efeitos no organismo. Adote uma dieta saudável com a finalidade de evitar problemas de sobrepeso e de obesidade.

Massagens:

As massagens nos pés e nas pernas são muito relaxantes, estimulam a circulação sanguínea e favorecem a eliminação de líquidos retidos. Trate de fazer movimentos suaves, mas firmes, sempre na direção do coração.

O recomendado: utilizar óleos essenciais para massagear as extremidades inchadas e obter melhores resultados. Entre os óleos essenciais com propriedades anti-inflamatórias encontramos: Hortelã-pimenta, Eucalipto, Limão e  Lavanda.

Para finalizar a Coluna " Espaço Livre"  deixa-lhe algumas dicas que ajudam a reduzir o inchaço:

1. Ingerir muita água é fundamental. Beba 2 litros ou mais de água diariamente para eliminar toxinas e melhorar a textura da pele do rosto e corpo.

2. O tabaco prejudica a circulação sanguínea, pois reduz a quantidade de oxigênio que circula pelo organismo. O melhor é abandonar o cigarrinho.

3. O álcool é grande responsável pela retenção de líquidos. Ele contribui para a destruição das células que regulam os fluidos no sangue.

4. Chá de dente de leão, chá verde, salsaparrilha e chapéu de couro estimulam o sistema linfático.

5. Todas as mulheres gostam de um salto alto, mas este ajuda no surgimento de varizes e celulite. Ele prejudica a circulação sanguínea nos membros inferiores.

6. Faça drenagem linfática 2x por semana para acabar com a retenção de líquidos.

7. Consumir café em excesso prejudica a circulação sanguínea e aumenta o estresse. Mas consumir até 3 xícaras de café diariamente pode funcionar como termogénico e ajudar a queimar gordura.

8.
O sal provoca retenção de líquidos e pode inflamar células. Presente em alimentos ou molhos, este é inimigo da nossa saúde.

9. Relaxar é fundamental para o bom funcionamento do organismo, porque quando estamos muito estressados o organismo liberta cortisol e insulina, fazendo disparar os níveis de glicose.

10. Para melhorar a circulação e prevenir a retenção de líquidos, deixe o carro em casa e caminhe, use as escadas e não o elevador.

11. Não abuse no anticoncepcional, pois este tem estrogênio e progesterona, dois hormônios que provocam a retenção de líquidos.

12. Prefira uma alimentação saudável, evitando o consumo de açúcar, gorduras e frituras, pois estes provocam retenção de líquidos e acumulo de gordura.

13. Roupas demasiado justas prejudicam a circulação sanguínea e causam mais inchaço.

Advertimos: Caso os sintomas persistam, contate um médico.

Por Zecca Paim
MTB 1453 RO

Fonte: José Carlos Paim